Última hora

Última hora

A pressão aumenta em torno de Bush

Em leitura:

A pressão aumenta em torno de Bush

Tamanho do texto Aa Aa

A maioria democrata do Congresso norte-americano desaprova a nova estratégia do presidente para o Iraque. Para que não haja dúvidas os democratas aprovoram um projecto de resolução onde consideram os planos de Bush “contrários aos interesses da Nação.” Ontem o chefe de Estado pediu aos congressistas que fosse dada uma oportunidade ao seu plano que prevê o envio de mais 21 mil soldados para a guerra para salvar o Iraque.

A resposta veio hoje da Comissão dos Negócios Estrangeiros de Senado que votou com doze vozes a favor e nove contra um texto simbólico que será levado a plenário dentro de uma semana. Esta inciativa que procura limitar a acção do presidente conta com o apoio do republicano Chuck Hagel: “Não existe qualquer estratégia. Homens e mulher que enviamos para Ambar ou Bagdade não são feijões são vidas humanas e temos de ter a certeza do que estamos a fazer antes de enviarmos antes de enviarmos mais vinte mil para o terreno”.

E no terreno a guerra e as suas consequências são a realidade que não é possivel ocultar. Mais de 20 pessoas morreram ontem numa série de ataques entre as quais quatro elementos de uma mesma família com duas crianças, no sul de Bagdade.