Última hora

Última hora

Ford com maior prejuízo de sempre

Em leitura:

Ford com maior prejuízo de sempre

Tamanho do texto Aa Aa

A Ford teve um prejuízo recorde no ano passado, ao perder 12,7 mil milhões de dólares, o equivalente, ao câmbio actual, quase dez mil milhões de euros. Nunca, em mais de 100 anos de história, o gigante automóvel norte-americano tinha registado perdas tão elevadas.

O presidente Alan Mulally está a dirigir um importante plano de reestruturação para revitalizar as contas do grupo, um dos três grandes do sector automóvel americano. Depois de, em 2005, os lucros terem caído dos 2,5 para os 1,1 mil milhões de euros, 2006 foi o ano do descalabro completo.

O custo das indemnizações e a queda nas vendas de pesados são, em grande parte, responsáveis por estes números no vermelho. A Ford está a proceder a um vasto plano de reestruturação, que prevê o fecho de 16 fábricas e o fim de 45 mil postos de trabalho, só na América do Norte. O objectivo é regressar aos lucros antes do final de 2009. O último prejuízo líquido da Ford datava de 1992.

Se as indemnizações pagas no quadro da reestruturação contaram para grande parte deste prejuízo, as vendas em queda também contribuíram. Excluindo os elementos extraordinários, o prejuízo foi de 1,.9 mil milhões de euros, referentes às actividasdes automóveis no mundo inteiro.