Última hora

Última hora

Grupos rivais palestinianos à procura de acordo

Em leitura:

Grupos rivais palestinianos à procura de acordo

Tamanho do texto Aa Aa

Uma maratona negocial começou em Meca até que seja encontrado um acordo entre os grupos palestinianos.
A reunião foi promovida pelo Rei Abdallah da Arábia Saudita que espera assim poder ganhar mais influência na região onde se move também, como os mesmos objectivos, o braço de Teerão.

“Ninguém sai daqui enquanto não for concluido um acordo” para acabar com os confrontos e criar as condições para a formação de um governo de União Nacional, foi próprio lider do Hamas, Kaled Mechaal que passou a mensagem.
A reunião decorre no Palácio Al-Safa, com vista sobre a grande mesquita da cidade, o local mais sagrado do Islão. Nenhuma informação foi adiantada sobre a duração deste encontro mas um porta-voz da Fatah estima que poderá prolongar-se por vários dias.

Enquanto os líderes palestinianos tentam a via o diálogo em Gaza continuam as rivaliades e os acertos de contas.
Hoje foi a enterrar um comandante local do Hamas abatido por elementos da Fatah que acusavam o homem de ter morto em Dezembro varios membros das suas familias. Um porta-voz oficial do movimento de Mahmadu Abas negou qualquer envolvimento neste tiroteio que causou um morto e três feridos.