Última hora

Última hora

Tribunal marcial suspende julgamento por vício de forma

Em leitura:

Tribunal marcial suspende julgamento por vício de forma

Tamanho do texto Aa Aa

O processo do primeiro-tenente Ehren Watada foi ontem suspenso por vício de forma. A decisão foi tomada pelo Juiz John Head, que considera existir uma inconsistência na estipulação dos factos. É que, apesar de ter reconhecido as acusações, Watada declarou-se inocente. Por esse motivo, o governo pediu ao tribunal marcial de Fort Lewis a anulação do processo, que deverá voltar a juízo no dia 19 de Março.

Ehren Watada está a ser julgado por ter recusado partir para o Iraque e por ter explicado publicamente os motivos da recusa e incorre numa pena até 4 anos de prisão. Watada, que se converteu num ícone do movimento pacifista nos Estados Unidos, dispôs-se a abandonar as forças armadas ou a servir no Afeganistão, mas o exército norte-americano recusou os dois pedidos e decidiu avançar com o julgamento.