Última hora

Em leitura:

Venezuela inicia plano de nacionalizações pelo sector eléctrico


mundo

Venezuela inicia plano de nacionalizações pelo sector eléctrico

O processo de nacionalizações do sector energético na Venezuela parece para já distante do choque temido pelos investidores estrangeiros. O governo assinou hoje um acordo para adquirir a maioria do capital da companhia de electricidade venezuelana, detida desde 2000 por uma empresa norte-americana e que passará nos próximos 30 dias para as mãos da petrolífera estatal.

Um negócio orçado em 900 milhões de dólares que não perturbou os mercados financeiros. O valor das acções da electricidade de Caracas subiram 3,27 por cento na bolsa, onde tinham caído 30% nas últimas semanas. O governo felicitou-se pela forma como decorreu o negócio respeitando um enquadramento legal e os valores de mercado. O vice-presidente venezuelano prometeu, “mais novidades para os próximos dias”.

Hugo Chavéz prossegue assim no caminho da revolução socialista que domina o seu segundo mandato. O plano de nacionalizações deverá abranger nos próximos meses, empresas de telecomunicações e petrolíferas, controladas na sua maioria por companhias privadas norte-americanas.

Saiba mais:

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Muçulmanos protestam contra obras na Eplanada das Mesquitas