Última hora

Última hora

Ahmadinejad mantém tom de desafio sobre programa nuclear

Em leitura:

Ahmadinejad mantém tom de desafio sobre programa nuclear

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente iraniano aumenta o tom de desafio antes da reunião dos cinco membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU e da Alemanha para começar a redigir uma nova resolução para sancionar o Irão. O encontro está marcado para segunda-feira, em Londres.

Estados Unidos querem um reforço das sanções, enquanto a Rússia questiona a utilidade de um novo texto. O presidente iraniano, Mahmmud Ahmadinejad, aproveita as divergências internacionais e afirma que vai defender até ao fim o seu direito a um programa nuclear, pois se ceder o inimigo vai aumentar as exigências.

Teerão não respeitou o prazo de 21 de Fevereiro, fixado pela primeira resolução da ONU, para suspender o seu programa nuclear. Pelo contrário, terá instalado mais centrifugadoras na central de Natanz e anuncia que pretende aumentar o número para três mil.

O prosseguimento do programa atómico do regime iraniano foi constatado por um relatório da Agência Internacional de Energia Atómica, liderada por Mohammed ElBaradei. O secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, está preocupado.