Última hora

Última hora

Bush de visita à América Latina para recuperar boa vizinhança

Em leitura:

Bush de visita à América Latina para recuperar boa vizinhança

Tamanho do texto Aa Aa

George Bush inicia hoje em São Paulo, no Brasil, uma incursão de sete dias em território adverso. Numa América Latina virada à esquerda, Bush vai tentar uma missão quase impossível, recuperar a boa vizinhança no continente. Na Guatemala as manifestações sucedem-se desde o fim-de-semana, para uma activista, “Bush representa o imperialismo que só trouxe desgraças ao país”.

Durante sete dias, Bush pretende redimir-se de seis anos de mandato durante os quais a América Latina esteve esquecida. No Brasil vai negociar um acordo sobre bio-combustíveis, no Uruguai, um protocolo de livre-comércio, na Colômbia, reforçar a luta contra o tráfico de Droga, no México, discutir a imigração ilegal.

Mas o seu principal desafio é o de refrear a influência crescente da esquerda latino-americana, na sua principal base de apoio – as populações mais pobres.

Desde segunda-feira que Bush promente milhares de milhões de dólares em assistência médica, bolsas de estudo e mesmo subsídios de reforma aos latino-americanos. Promessas que levaram Hugo Chavez a lançar uma contra-ofensiva diplomática. O presidente venezuelano vai fazer uma ronda paralela na Argentina e na Bolívia para assinar acordos de cooperação e distribuir ajudas.