Última hora

Última hora

Chavez termina digressão no Haiti

Em leitura:

Chavez termina digressão no Haiti

Tamanho do texto Aa Aa

Hugo Chavez está país mais pobre da América latina, o Haiti, com dois objectivos. O primeiro é ofuscar a visibilidade da digressão diplomática de George W. Bush; o segundo é reforçar a coesão de um continente sul-americano de esquerda opositor a Washington.

O presidente da Venezuela teve à sua espera no aeroporto de Port-au-Prince o presidente René Preval e a comitiva do governo. Nas ruas da capital haitiana, o chefe de Estado foi brindado por um banho de multidão que soltou vivas a Chavez e gritou “abaixo Bush”.

Hugo Chavez aproveitou a deslocação ao Haiti para visitar programas de ajuda venezuelana à ilha das caraíbas. Caracas vai em breve realizar com Port-au-Prince um programa de cooperação nos sectores da saúde, da educação, da água potável e da energia. O Haiti faz parte do programa “Petrocaribe” que lhe permite adquirir petróleo venezuelano a preços preferenciais.