Última hora

Última hora

Grã-Bretanha pioneira em legislação "verde"

Em leitura:

Grã-Bretanha pioneira em legislação "verde"

Tamanho do texto Aa Aa

A luta contra o aquecimento global vai ser inscrita na letra da lei. A Grã-Bretanha tornou-se esta terça-feira no primeiro país a propor legislação para reduzir as emissões de dióxido de carbono para a atmosfera. O governo de Tony Blair pretende assim cimentar a sua campanha internacional para um novo pacto que substitua o protocolo de Quioto, em vigor até 2012.

No projecto-lei o executivo pretende uma redução das emissões de dióxido de carbono da ordem dos 60 por cento até 2050, estabelece orçamentos quinquenais para financiar os cortes e cria uma comissão independente para acompanhar os progressos anuais.

No seio da oposição há quem diga que este é no entanto um objectivo que fica aquém das necessidades. O liberal-democrata Chris Huhne recorre à ciência para sublinhar que é preciso ser mais ambicioso. A proposta vai ser alvo de debate público e parlamentar. Os ambientalistas pretendem que a meta a atingir em 2050 se situe nos oitenta por cento e que se estabeleça um objectivo anual de três por cento.