Última hora

Última hora

200 suspeitos detidos em operação anti-máfia em Nápoles

Em leitura:

200 suspeitos detidos em operação anti-máfia em Nápoles

Tamanho do texto Aa Aa

Uma mega-operação anti-máfia em Nápoles, na Itália resultou na detenção de 180 pessoas, dos 200 mandados de captura emitidos pela justiça. As detenções recaíram sobre dois clãs mafiosos, a família Giuliano e a família Mazzarella, numa zona dominada pela máfia napolitana – a Camorra.

As duas famílias são antigas rivais que, depois do casamento da filha do patrão da família Giuliano com um elemento do clã Mazzarella, têm agora um pacto de cooperação. A filha do chefe da família Giuliano também foi detida. Na última semana houve cinco assassínios relacionados com actividades mafiosas e ajustes de contas.

A polícia disponibilizou mais de mil efectivos para esta operação na Forcela, uma espécie de Bronx novaiorquino no centro de Napoles.Quase todos os detidos estão alegadamente envolvidos no tráfico de droga. Famílias inteiras foram detidas, mulheres inclusivé.

A operação levou dezenas de familiares e amigos dos suspeitos ao exterior dos quarteis dos Carabinieri, uma forma de pressionar as autoridades que entraram num terreno quase proibido a forças policiais. Só no último ano, foram registados 130 mil crimes relacionaddos com a Camorra, cinco vezes mais que a média do país.