Última hora

Última hora

Celebrações do Newroz terminam em confrontos na Turquia

Em leitura:

Celebrações do Newroz terminam em confrontos na Turquia

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de curdos da Turquia celebraram ontem o Ano Novo e mais uma vez registaram-se confrontos com a polícia.

Em Istambul, os festejos do Newroz juntaram 50 mil pessoas e em Diyarbakir, principal cidade curda no sudeste do país, eram cem mil. No total, terão sido detidos cerca de 80 indivíduos. Há também vários feridos.

Tudo porque os festejos se transformaram mais uma vez em manifestação de apoio ao líder curdo Abdullah Ocalan, em prisão perpétua, e ao Partido dos Trabalhadores do Curdistão, considerado uma organização terrorista que há 23 anos luta contra as forças turcas. Os 15 milhões de curdos na Turquia aproveitam a data para reivindicar os seus direitos face a Ancara.

Para além dos confrontos, as pessoas em trajes tradicionais dançaram e saltaram fogueiras.

O Ano Novo, festejado também no Irão, norte do Iraque e vários países da Ásia Central, é uma antiga festa pagã que celebra o início da Primavera.