Última hora

Última hora

Prodi sob pressão após libertação de Mastrogiacomo

Em leitura:

Prodi sob pressão após libertação de Mastrogiacomo

Tamanho do texto Aa Aa

A política externa continua a deixar o primeiro-ministro Romano Prodi de mãos atadas. A cinco dias do Senado italiano votar a recondução do financiamento das tropas transalpinas incluidas na missão da ISAF no Afeganistão, Prodi enfrenta crescentes pressões, internas e internacionais.

Por uma lado não dispõe de uma maioria suficientemente unida para garantir a missão militar italiana no Afeganistão. Por outro, acumulam-se as críticas internacionais. Tanto Washington como Londres apontaram o dedo ao modo como a diplomacia italiana negociou com os Talibã a libertação do jornalista Daniele Mastrogiacomo. As duas potências dizem que a troca de cinco prisioneiros talibãs pela vida do italiano envia um mau sinal a futuros raptores.