Última hora

Última hora

Merkel optimista sobre a possibilidade de discutir a constituição ainda este ano

Em leitura:

Merkel optimista sobre a possibilidade de discutir a constituição ainda este ano

Tamanho do texto Aa Aa

O humor marcou também os festejos dos cinquenta anos do Tratado de Roma. O ministro alemão das Finanças ofereceu aos líderes da Europa uma moeda de dois euros, comemorativa do acontecimento. “Deve ser a única vez que dou dinheiro à Europa”, disse Peer Steinbrück. Uma emissão de selos de correio foi também preparada especialmente para a ocasião.

Na conferência de imprensa final, Angela Merkel, por seu lado, insistiu na necessidade de reformar as instituições europeias: “Todos sabemos, actualmente, que a situação não será mais fácil por adiarmos a reforma institucional até ao limite. Isto é: é preciso que um dia decidamos qual Estado pode fazer o quê e também estamos todos de acordo sobre o facto de que a União Europeia, tal como está hoje em dia, não é suficientemente capaz de agir.”

A chanceler alemã está optimista. Acredita que o novo tratado constitucional, qualquer que seja o seu nome, poderá começar a ser discutido ainda durante este ano, em conferência intergovernamental. “Durante o Conselho dissemos várias vezes que uma conferência intergovernamental não devia durar demasiado tempo, que devia ser curta e concisa. Se tudo correr bem durante a presidência alemã, poderemos ter uma conferência intergovernamental sob presidência portuguesa”, disse.

Portugal assume os destinos da União a partir de Julho. Os Vinte e Sete terão, então, cerca de dois anos para cumprir o objectivo da declaração de Berlim: ter um novo tratado antes das eleições europeias de 2009.