Última hora

Última hora

Líderes árabes relançam iniciativa de paz para conflito israelo-palestiniano

Em leitura:

Líderes árabes relançam iniciativa de paz para conflito israelo-palestiniano

Tamanho do texto Aa Aa

No primeiro de dois dias de reunião em Riade, na Arábia Saudita, a Liga Árabe aprovou por unanimidade o plano de paz para o conflito com Israel. Preocupada com a estratégia do Irão para ganhar influência, a Arábia Saudita reanima a iniciativa que apresentou em 2002.

No discurso de abertura, o rei saudita pediu o fim do bloqueio financeiro internacional ao governo palestiniano e apelou à unidade da Liga Árabe para resolver as questões palestiniana, libanesa e iraquiana. O rei Abdullah não poupou as palavras e fez um “mea culpa”, afirmando que são eles, líderes da Liga Árabe, “os verdadeiros culpados dos conflitos no Médio Oriente, devido às constantes desavenças que levaram a Liga a perder credibilidade e esperança”.

O Hamas é contra a iniciativa e pediu que não cedam sobre a questão dos refugiados. Este é um dos pontos que Israel quer ver alterados para aceitar a proposta árabe, que o presidente palestiniano considera como a última oportunidade para viverem em paz.