Última hora

Última hora

Kerkorian tenta nova compra da Chrzsler

Em leitura:

Kerkorian tenta nova compra da Chrzsler

Kerkorian tenta nova compra da Chrzsler
Tamanho do texto Aa Aa

Doze anos depois de ter tentado, pela última vez, a compra da Chrysler, Kirk Kerkorian volta à carga. O magnata norte-americano, aos 89 anos, não dá sinais de querer reformar-se. Kerkorian fez uma nova oferta para comprar a construtora norte-americana, agora que a casa-mãe, o grupo alemão DaimlerChrysler, se mostra disponível para vender.

Kerkorian oferece 3,3 mil milhões de euros, ou seja, um valor sete vezes inferior ao pago pela Daimler Benz em 1998. Dieter Zetsche, presidente da DaimlerChrysler, diz que “não exclui nenhuma opção e quer procurar a melhor solução que satisfaça as duas partes”.

Kerkorian começou a comprar acções da Chrysler em 1990 e desde então foi aumentando a participação até conseguir um lugar no Conselho de Administração da construtora para a holding que controla, Tracinda.

Há sete anos, colocou um processo à DaimlerChrysler e ao presidente de então, Juergen Schrempp, por ter apresentado o negócio como uma fusão entre iguais, quando na verdade se tratou de uma compra por parte dos alemães. Perdeu o processo, mas há um recurso que está ainda a decorrer. O multi-milionário de origem arménia fez fortuna a comprar empresas por um valor bastante mais baixo que o real.