Última hora

Última hora

Irão anuncia início da produção industrial de combustível nuclear

Em leitura:

Irão anuncia início da produção industrial de combustível nuclear

Tamanho do texto Aa Aa

“O Irão entrou no grupo de países que produzem combustível nuclear a nível industrial”, o anúncio foi feito pelo presidente Mahmud Ahmadinejad, numa cerimónia no centro de enriquecimento de urânio de Natanz. O Irão festejou assim o dia nacional da tecnologia nuclear, um ano depois de ter obtido o primeiro urânio enriquecido, e lança um novo desafio à comunidade internacional.

O anúncio de Ahmadinejad e do presidente da Agência Atómica iraniana significam que o regime possui pelo menos três mil centrifugadoras, o que segundo, os peritos é o número suficiente para produzir, num ano, o material necessário para uma bomba atómica.

Em simultâneo com os festejos de Natanz, em Teerão, os iranianos manifestavam o seu apoio à decisão do regime.

Ahmadinejad reiterou que o seu país não vai ceder sobre o programa nuclear, apesar das duas resoluções e sanções impostas pela ONU.

O negociador iraniano vai mais longe com o tom de desafio. Ali Larijani diz estar pronto a discutir com o Ocidente para pôr fim às dúvidas existentes, mas adverte que se houver mais pressões o seu país abandonará o Tratado de Não proliferação nuclear.

Face ao anúncio de Teerão, os Estados Unidos dizem estar muito preocupados, enquanto, a Grã-Bretanha fala de uma violação das resoluções da ONU e repete que o Irão as deve respeitar.