Última hora

Última hora

Violoncelista e Maestro russo Mstislav Rostropovitch faleceu

Em leitura:

Violoncelista e Maestro russo Mstislav Rostropovitch faleceu

Tamanho do texto Aa Aa

Morreu um dos maiores músicos de sempre. Mstislav Rostropovitch faleceu no hospital aos 80 anos, vítima de cancro. O violoncelista e maestro russo, nascido em Baiku, agora Azerbeijão, recebeu vários prémios internacionais e era uma das figuras proeminentes da oposição ao regime soviético.

Era amado por uns e odiado por outros na Rússia. Rostropovitch lutou pelo que considerou ser a ARTE sem fronteiras, pela liberdade de expressão e outros valores democráticos, apoiou dissidentes nos anos 70.

A cidadania foi-lhe restituída só em 1990, pelas mãos do presidente Mikhail Gorbatchov, mas tanto Rostropovitch como a família já se tinham naturalizado norte-americanos por razões políticas.

O artista acabou por falecer num hospital da capital russa, onde foi internado a 23 de Abril. A doença foi-lhe diagnosticada em Fevereiro.

No mesmo mês, foi condecorado pelo presidente Vladimir Putin com a Cruz da Ordem de Serviço à Pátria pela contribuição para o desenvolvimento da música mundial.

Rostropovitch, ou “Slava” como é conhecido na Rússia, viveu na ex-RDA e reforçou a fama internacional pelo concerto meio improvisado que deu junto ao muro de Berlim na época da reunificação das duas alemanhas.