Última hora

Em leitura:

A Turquia à beira da crise política


mundo

A Turquia à beira da crise política

Em Istambul milhares de manifestantes sairam à rua para defender a laicidade do país. O mesmo aconteceu ontem em Ancara. O protesto juntou um milhar de pessoas frente à Universidade contra islamização do estado. Na origem das manifestações está a candidatura do ministro dos Negócios Estrangeiros, Abdullah Gul, à presidência. Os partidos laicos e as chefias militares temem que a eleição de Gul, membro do AKP, de tendência islamita, ponha em causa a separação entre religião e Estado. Gul não foi eleito à primeira volta e o exército, através do chefe do estado-maior, o general Yasar Buyukanit, diz estar preocupado e pronto a intervir para defender os valores laicos. O governo contesta a ingerência do exército nas presidenciais.

Saiba mais:

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Crise política na Ucrânia sem fim à vista