Última hora

Última hora

Paris com opiniões divididas após vitória inequívoca de Sarkozy

Em leitura:

Paris com opiniões divididas após vitória inequívoca de Sarkozy

Tamanho do texto Aa Aa

A república francesa acordou esta segunda-feira com um novo presidente eleito. A vitória do candidato conservador Nicolas Sarkozy figurava esta manhã nas primeiras páginas dos jornais depois de uma segunda volta cujo desfecho não fugiu às previsões.

A direita ganha pela terceira vez consecutiva uma corrida ao Eliseu. Nas ruas da capital francesa as reacções espelhavam as divisões no resto do país. A começar pelos apoiantes do candidato da UMP: “um resultado muito bom para a França, porque a pessoa que foi leita é aquela que melhor reflecte a vontade do povo francês para um futuro melhor e um futuro económico melhor para este país”.
“Era um resultado esperado com entusiasmo. Foi a vontade do povo e não foi uma surpresa. Pelo menos para nós não foi uma surpresa”
“Estamos muito felizes. Mobilizámo-nos, lutámos durante meses e agora estamos a colher os frutos. ele foi eleito e nós estamos contentes”.

A desilusão por parte dos apoiantes da candidata socialista era evidente: “estou muito desiludido porque sou de origem africana, tenho nacionalidade francesa e sempre votei na esquerda. Por isso estou muito desapontado com este resultado porque eu votei na Ségólene”. “Eles não sabem o que fizeram. toda a gente vai ficar na rua. Ninguém vai ter casa, nunguém vai conseguir viver com uma pessoa assim”, avisava uma jovem militante de esquerda.

Os apoiantes do antigo ministro do interior francês comemoraram ontem à noite a vitória inequívoca de Nicolas Sarkozy. A Place de La Concorde em Paris recebeu milhares de apoiantes da direita que assistiram a um pequeno espectáculo que incluia artistas actuais, mas também algumas vozes do passado.