Última hora

Em leitura:

Segunda volta presidencial em Timor


mundo

Segunda volta presidencial em Timor

Cerca de meio milhão de timorenses vão hoje às urnas para escolher o sucessor de Xanana Gusmão. O candidato eleito será o segundo presidente do país depois da independência conquistada em 2001. Não há registo de incidentes na aberturas das urnas que teve lugar às sete horas da manhã em Dili, 23 horas em Lisboa.

Trata-se da segunda volta da eleição presidencial que tem como candidatos: José Ramos-Horta, independente e primeiro-ministro, e Francisco “Lu Olo” Guterres, apoiado pela Fretilin. Xanana Gusmão, preso político durante 7 anos pelas autoridades indonésias, deverá apresentar-se como candidato a primeiro ministro em finais de Maio, depois da tomada de posse no novo presidente no dia 20.

Para garantir as condições de segurança encontram-se em Timor forças internacionais que irão colaborar com a polícia timorense, mais de 4000 polícias locais ou da ONU e um milhar de militares da força de paz internacional.

Saiba mais:

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Blair anuncia amanhã data em que abandona Downing Street