Última hora

Última hora

Abertura do 60° Festival Internacional de Cinema de Cannes

Em leitura:

Abertura do 60° Festival Internacional de Cinema de Cannes

Tamanho do texto Aa Aa

A partir de hoje a Riviera francesa é capital da sétima arte. O festival Internacional de Cinema de Cannes abre as portas para a 60/a edição. A organização gastou 20 milhões de euros mas conseguiu um dos programas mais fortes de sempre. A escadaria do Grand Théatre Lumière será mais uma vez palco de uma parada de estrelas. Mike Goodrige é um dos 4500 jornalistas presentes na Croisette para seguir o que diz ser “o festival supremo do Cinema, a perfeita celebração do filme transformado em arte” que dura há 60 anos.

Mas a Croisette não é só cinema é também luxo e passagem obrigatória para quem é ou deseja ser conhecido. Este ano, mais uma vez, não faltarão as estrelas, como Angelina Jolie, Brad Pitt, Leonardo diCaprio ou George Clooney, que vêm promover os seus filmes e acabam por ofuscar a competição.

E onde há celebridades há fãs. Uma jovem garante que vai estar à frente dos hotéis à espera de ver os famosos, para tirar fotografias e tentar obter autógrafos.

No dia 26, o júri, que integra Maria de Medeiros, atribuirá a Palma d’Ouro a um dos 21 filmes em competição. A honra de abertura cabe a “My Blueberry Nights”, do chinês Wong Kar Wai, com a cantora Norah Jones a contracenar com Jude Law.