Última hora

Em leitura:

"Ingrid Betancourt está viva", afirma refém foragido às FARC


mundo

"Ingrid Betancourt está viva", afirma refém foragido às FARC

Escapado à guerrilha colombiana das FARC após 8 anos de sequestro, o oficial de polícia John Frank Pinchao surgiu frente às câmaras da televisão, depois de uma fuga de 17 dias na floresta amazónica.

O ex-refém garantiu que durante o seu cativeiro encontrou-se com a ex-candidata presidencial, a franco-colombiana Ingrid Betancourt. Na última vez que a viu a 28 de Abril, afirma que, “estava viva e em bom estado de saúde”, assim como a sua assistente Clara Rojas.

As duas tinham sido raptadas pelas Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia em 2002, em plena campanha presidencial. Pela primeira vez, o presidente colombiano afirmou ontem que está disposto a uma troca de prisioneiros para que a guerrilha liberte 56 reféns políticos. Alvaro Uribe recusa-se, no entanto, a criar uma zona desmilitarizada para realizar a troca como exige a guerrilha.

Saiba mais:

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Cimeira Rússia-União Europeia envolta em crise