Última hora

Em leitura:

Rússia processa Bank of New York por lavagem de dinheiro


empresas

Rússia processa Bank of New York por lavagem de dinheiro

O Estado russo processou o Bank of New York, um dos líderes mundiais nos serviços relacionados com acções. O serviço alfandegário russo apresentou uma queixa junto do tribinal arbitral de Moscovo e exige que o banco norte-americano pague uma indemnização equivalente a 16,7 mil milhões de euros.

Este é o primeiro grande caso judicial a ter como base a onda de corrupção do final dos anos 90. O Bank of New York terá, alegadamente, participado em actividades de lavagem de dinheiro.

Para os bancos ocidentais, o mercado russo é difícil de atingir, devido às grandes restrições que existem. O austríaco Raiffeisen Bank é o que tem a maior presença, seguido pelo norte-americano Citibank, pelo holandês ING e plo alemão Deutsche Bank.

Este caso foi, ao início, apontado como tendo a ver com a actividade das máfias. Agora sabe-se que a lavagem de dinheiro tem a ver com exportações feitas à margem da lei. Alguns jornais falam mesmo de uso indevido de dinheiro do Fundo Monetário Internacional.

Pelos balcões do Bank of New York, terão passado 160.000 transferências ilegais de dinheiro, no valor de vários milhares de milhões de euros.

Saiba mais:

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

empresas

Permira controla Valentino Fashion Group