Última hora

Última hora

Sob o signo do conflito civil

Em leitura:

Sob o signo do conflito civil

Tamanho do texto Aa Aa

Uma violenta explosão num bairro muçulmano de Beirute fez esta noite pelo menos dez feridos. incidente ocorreu num parque de estacionamento da capital libanesa e causou pesados estragos materiais. Este Domingo uma mulher morreu vítima da explosão de uma bomba que se encontrava debaixo de um carro, na zona leste da capital, de maioria cristã. Dez pessoas ficaram feridas.

O ministro libanês da Informação, Gazi Al-Aridi condenou os ataques e apelou à união. “Perante este acto assasino convidamos os libaneses a apoiar o Estado. A única resposta aos actos terroristas é o reforço da unidade nacional”, disse o responsável.

Há dois dias que se mantêm os confrontos entre o exército libanês e os militantes do grupo Fatah al-Islam no norte do Líbano, em torno do campo de refugiados de Nahr Al-Bared. Morreram 58 pessoas desde Domingo, entre elas trinta soldados, dezassete combatentes, dez civis palestinianos e um civil libanês.

Estes combates são os mais violentos desde o fim da guerra civil em 1990. As últimas informações dão conta de negociações indirectas entre as duas partes com vista a um cessar-fogo.