Última hora

Última hora

Autoridades detêm militantes e deputados atacados em manifestação em Moscovo

Em leitura:

Autoridades detêm militantes e deputados atacados em manifestação em Moscovo

Tamanho do texto Aa Aa

Uma manifestação em prol da causa homossexual em Moscovo degenerou em violência. A polícia anti-motim deteve vários activistas e deputados europeus que participavam na mobilização. Vários elementos de grupos de extrema-direita atacaram violentamente os participantes antes de serem, também eles, detidos pelas autoridades.

Os manifestantes denunciaram a lentidão da resposta policial. O eurodeputado italiano Marco Cappato perguntava mesmo “onde está a polícia?”, quando a manifestação foi atacada.

O britânico Peter Tatchell, um conhecido activista pelos direitos dos homossexuais foi uma das personalidades agredidas, tal como o deputado alemão Volker Beck. Os manifestantes pretendiam entregar à autarquia de Moscovo uma carta a pedir autorização para realizar a Marcha do Orgulho Gay.