Última hora

Última hora

A direita com ligeiro avanço nas regionais

Em leitura:

A direita com ligeiro avanço nas regionais

Tamanho do texto Aa Aa

Encerraram as urnas em Itália onde dez milhões de eleitores votaram para eleger presidentes de câmara e conselheiros municipais. As projecções à boca das urnas começam a revelar a tendência para este escrutínio indicando um ligeiríssimo avanço da direita, mas haverá em algumas provincias uma segunda volta dentro de duas semanas. As projecções apontam nesta altura para a manutenção de Génova nas mãos de centro esquerda e da conquista de Verona e Monza pelo centro direita. Os conservadores continuam a liderar em Parma e Régio Calábria e ganharam Lucca, antes bastião do centro esquerda. Em contrapartida Táranto dominada pelo centro direita mudou da campo.A oposição de Silvio Berlusconi sonhava transformar este escrutínio em teste nacional para enfraquecer ainda mais o governo de Romano Prodi. Depois da tomada de posse de Romano Prodi há um ano, o governo de centro esquerda passou por diversas crises, superadas apenas através de compromissos permanentes entre as várias formações que compõem a maioria.