Última hora

Última hora

UE e Japão defendem novas metas para Kyoto

Em leitura:

UE e Japão defendem novas metas para Kyoto

Tamanho do texto Aa Aa

O combate às alterações climáticas é um dos pontos mais sensíveis da agenda do G8. Para preparar o terreno, Angela Merkel apadrinhou uma mini-cimeira União Europeia-Japão com o objectivo de discutir o futuro do Protocolo de Kioto que expira em 2012. A chanceller alemã e o primeiro-ministro japonês defenderam a redução em 50% das emissões de gás com efeito de estufa daqui até 2050.

Angela Merkel alertou para a necessidade de chegar a um compromisso para renovar o protocolo.

“Os Estados Unidos não o ratificaram. O Canadá declarou que não vai cumpri-lo. Não podemos continuar assim depois de 2012. Com os diferentes parceiros, tentamos encontrar o maior número de pontos em comum possíveis e com o Japão realizámos um avanço”, disse a responsável.

Apesar das ambições desta mini-cimeira, os termos da declaração conjunta assinada pelos líderes da União Europeia e do Japão permanecem vagos.

Além disso, George W. Bush já disse que quer debater a questão das alterações climáticas fora do quadro do G8 e com os 15 países que mais contribuem para a produção de gases de efeito-estufa.