Última hora

Última hora

Polícia milanesa procura desmantelar grupo extremista

Em leitura:

Polícia milanesa procura desmantelar grupo extremista

Tamanho do texto Aa Aa

A polícia de Milão corrigiu o anúncio sobre a prisão de uma dezena de islamitas suspeitos de prestarem apoio logístico e financeiro à Al-Qaida precisando que apenas uma única pessoa tinha sido detida.
Ligada à operação de Milão a polícia londrina prendeu um homem de 46 anos interpelado no seu domicílio, no norte de Londres, no seguimento do mandado de captura emitido em Itália.
Todas as pessoas visadas nesta operação são de nacionalidade tunisina e pelo menos três encontram-se já detidas, seis estão desaparecidas, e poderão ter sido já mortas na execução de atentados suicidas decorridos na Tunísia e Argélia, de Janeiro a Abril deste ano.
Estas terão sido as primeiras ações que visaram este grupo na Europa, desde que mudou de nome para se ligar à Al- Alqaeda. Antigo grupo selafista nascido na Argélia preparava-se para establecer células na Europa tendo em vista uma série de acões terroristas.