Última hora

Última hora

Budweiser ganha processo no Tribunal Europeu

Em leitura:

Budweiser ganha processo no Tribunal Europeu

Tamanho do texto Aa Aa

A cervejeira norte-americana Anheuser-Busch ganhou uma etapa na batalha legal contra a checa Budjeovicky, em torno do uso da marca Budweiser. O tribunal de primeira instãncia da União Europeia reconheceu ao grupo norte-americano o direito de usar a marca.

O grupo checo, que comercializa a marca Budweiser Budvar, queria impedir os americanos de vender produtos com a marca Budweiser no espaço comunitário. Esta decisão tem apenas a ver com produtos de merchandising e não com a cerveja propriamente dita. Sobre o comércio da cerveja, o diferendo entre os grupos foi regulado já, várias vezes, ao nível dos países.

O grupo norte-americano é um autêntico gigante ao lado da cervejeira checa. A produção é quase 130 vezes superior e a diferença no volume de negócios é também impressionante. No ano passado, a Budweiser teve vendas de 13 mil milhões de euros, contra 340 milhões da Budejovicky Budvar.

A guerra comercial entre ambas as empresas vem de há muito. A Anheuser-Busch foi fundada por alemães na cidade norte-americana de St. Louis em 1852 e começou a produção em série da Budweiser cerca de 20 anos depois.

Já a Budejovicky Budwar nasceu em 1895 numa região, hoje incluída na República Checa, onde se produz cerveja desde o século XIII.