Última hora

Última hora

NATO concorda com escudo anti-míssil na Europa de Leste

Em leitura:

NATO concorda com escudo anti-míssil na Europa de Leste

Tamanho do texto Aa Aa

Os ministros da Defesa da NATO concordaram com a instalação do escudo anti-missil norte-americano na República Checa e na Polónia, numa reunião de dois dias em Bruxelas.

Os vinte e seis membros da Aliança encomendaram ainda um estudo sobre as implicações da instalação do sistema de defesa anti-misseis na Europa de Leste.

No entanto, o secretário-geral Japp de Hoop Scheffer declarou que a localização do escudo poderá não cobrir os territórios de membros da NATO como a Grécia, Turquia, Roménia e Bulgária.

O secretário da Defesa americano, Robert Gates aproveitou o encontro e apelou ao envio de pessoas com formação militar para o Afeganistão, para trabalhar junto das forças de segurança afegãs.

Depois de meses de tensão entre a Rússia e os Estados Unidos, a NATO considerou positiva a proposta de Vladimir Putin para a utilização de um antigo radar soviético no Azerbeijão, mas adiantou que ainda é cedo para considerar essa opção.

A Rússia reafirma que o escudo norte-americano na Polónia é uma ameaça à integridade do país e ameçou mesmo apontar os seus mísseis para a Europa.

Na República Checa e na Polónia, centenas de pessoas sairam à rua para protestar contra a iniciativa norte-americana.