Última hora

Última hora

O triunfo do Hamas

Em leitura:

O triunfo do Hamas

Tamanho do texto Aa Aa

As milícias do Hamas tomaram o que restava do complexo de edifícios e instalações dos organismos de segurança da Autoridade Palestiniana. O único edifício que resta ao presidente da Autoridade Palestiniana, Mahmud Abbas, é o que ocupa quando se desloca de Ramallah, na Cisjordânia, à cidade de Gaza, na costa do Mediterrâeo.

Rafah foi a última conquista dos combatentes do movimento islâmico na sua completa tomada do território palestiniano.
O presidente da ANP decidiu demitir o governo dominado pelo Hamas e proclamar o estado de emergência, na altura em que os islamitas estavam a um passo de controlar a Faixa de Gaza depois de violentos combates.

O anúncio de Abbas foi imediatamente rejeitado pelo Hamas. O primeiro ministro Ismael Hanniye diz que a presidência e a Fatah não desejam resolver os problemas. Os Estados Unidos reagiram de imediato e a secretária de Estado norte-americana, Condoleezza Rice, afirmou “apoiar plenamente” as decisões de Abbas.