Última hora

Última hora

Alemanha tem novo partido político de esquerda

Em leitura:

Alemanha tem novo partido político de esquerda

Tamanho do texto Aa Aa

O Die Lienke, ou “a Esquerda”, foi apresentado este sábado em Berlim e resulta da fusão entre o antigo partido comunista da Alemanha de Leste, PDS e o partido do Trabalho e Justiça Social, o WASG. A nova formação política tem dois presidentes; Lothar Bisky e o ex-ministro das finanças do governo de Gerhard Schroeder, Oskar Lafontaine.

O Die Lienke resulta de dois anos de negociações entre o PDS e o WASG. Uma união que começou em 2005 quando concorreram juntos às eleições legislativas, tornando-se na quarta força política do país com 8,7 por cento dos votos.

Perante cerca de 800 delegados, o porta-voz do Die Lienke, Gregor Gysi, disse que é preciso haver liberdade e socialismo e é por isso que surgiram. “A Esquerda” tem cerca de 72 mil filiados e estima-se que represente perto de 10 por cento das intenções de voto dos eleitores alemães.