Última hora

Última hora

Sérvia detém mais um cidadão procurado pelo TPI para a ex-Jugoslávia

Em leitura:

Sérvia detém mais um cidadão procurado pelo TPI para a ex-Jugoslávia

Tamanho do texto Aa Aa

Foi detido Vlastimir Djordjevic. O antigo general da polícia sérvia, procurado pelo Tribunal Penal Internacional (TPI) para ex-Jugoslávia por crimes contra a humanidade no Kosovo, foi detido no Montenegro, graças à cooperação entre as autoridades sérvias e montenegrinas.

Djordjevic era o adjunto do Ministro sérvio do Interior e chefe dos serviços de segurança pública, que controlava grupos envolvidos na morte de civis albaneses na guerra do Kosovo entre 1998-99.

A sua detenção é uma nova prova da cooperação da Sérvia com a justiça internacional. A União Europeia reabriu as negociações com Belgrado para um Acordo de Estabilização e Associação, depois de, há três semanas, ter sido detido e entregue a Haia Zdravko Tolimir, antigo general das forças sérvias da Bósnia, acusado de envolvimento no massacre de Srebrenica, em 1995.

Das 160 pessoas inculpadas pelo TPI para a ex-Jugoslávia, apenas quatro continuam a monte, entre elas Radovan Karadzic e Ratklo Mladic.