Última hora

Última hora

Israel admite retomar negociações de paz com palestinianos

Em leitura:

Israel admite retomar negociações de paz com palestinianos

Tamanho do texto Aa Aa

Em visita a Nova Iorque, o primeiro-ministro israelita considerou que a chegada ao poder de um novo executivo palestiniano “moderado” pode permitir o regresso às negociações com vista a um acordo de paz permanente com Israel. Um primeiro passo, poderá ser o desbloqueio de impostos e taxas fronteiriças palestinianas retidas por Telavive. Ehud Olmert diz que o dinheiro estava bloqueado por receio de que o Hamas o “utilizasse em acções terroristas”.

Olmert encontrou o secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, assegurando-lhe que “Israel será um parceiro sério se existir um governo sério na Cisjordânia”.

O chefe de governo israelita mostrou-se também preocupado com os “rockets” lançados ontem contra a cidade de Kiriat Shmona, desde o sul do Líbano.

Os projécteis, que apenas fizeram estragos materiais, foram os primeiros a cair sobre o norte do território israelita desde a guerra contra o Hezbollah libanês no Verão passado.