Última hora

Última hora

Conferência sobre Darfur sem resultados

Em leitura:

Conferência sobre Darfur sem resultados

Tamanho do texto Aa Aa

Mais promessas de apoio à solução dos problemas que atingem o Darfur no final de uma conferência internacional em Paris. O encontro, que incluiu as oito nações mais industrializadas do planeta mais a China, não resultou em medidas concretas. O chefe da diplomacia francesa Bernard Kouchner sintetizou as principais linhas da reunião: “há quatro pontos: apoio político, pressão para apoiar iniciativas, tomadas especialmente pela ONU e pela União Africana. terceiro ponto: financiamento para o futuro e quarto ponto, a situação na região”.

O encontro de Paris contou com representantes de 18 países e várias organizações internacionais. O Sudão foi a ausência mais notada.

A secretária de Estado norte-americana Condoleeza Rice afirmou que “Os Estados Unidos continuam a defender que devem haver consequências para o Sudão caso não cumpra com as obrigações a que se propôs”.

Cartum justificou a ausência pelo facto de a conferência se ter realizado duas semanas depois de ter aceitado o envio de uma força mista das Nações Unidas e da União Africana.

O objectivo do envio desse contigente militar é impedir a violência na província sudanesa que, segundo os peritos, já matou mais de 200 mil pessoas.

Nos últimos quatro anos os combates fizeram ainda deslocar cerca de 2 milhões e meio de sudaneses.