Última hora

Última hora

Olmert e Abbas tentam reinício de conversações

Em leitura:

Olmert e Abbas tentam reinício de conversações

Tamanho do texto Aa Aa

Na cimeira de Sharm el-sheik, que decorreu no Egipto, jogou-se uma tentativa de retomar as negociações israelo-palestinianas. Mas também o futuro político das principais figuras de ambos os lados. O presidente Mahmud Abbas tem a oportunidade de reforçar a sua legitimidade e angariar apoios entre os divididos palestinianos.

Abbas desejou “começar novas negociações políticas sérias dentro dos parâmetros estabelecidos, para criar um Estado palestiniano soberano e independente, com Jerusalém Oriental como capital”.

Por seu lado, o chefe de Governo israelita decidiu-se por um gesto de boa vontade e anunciou a “apresentação de uma proposta de libertação de 250 prisioneiros do Fatah que não tenham derramado sangue, desde que estes se prestem a assinar uma promessa de renuncia à violência”.

As negociações entre palestinianos e israelitas são os primeiros contactos entre as duas partes desde que o Hamas tomou o controlo da Faixa de Gaza. A cimeira, mediada pelo Egipto e pela Jordânia, teve lugar um dia antes de o quarteto de negociadores para o Médio Oriente se reunirem em Jerusalém.