Última hora

Última hora

Quarteto internacional declara apoio a Abbas

Em leitura:

Quarteto internacional declara apoio a Abbas

Tamanho do texto Aa Aa

Mahmoud Abbas decretou a proibição de porte de armas e explosivos nos territórios palestinianos. Foi a primeira decisão tomada pelo presidente palestiniano, 24 horas depois da cimeira de Sharm-el-Sheik onde aproximou posições com o primeiro- ministro israelita. Esta terça-feira Abbas recolheu apoios diplomáticos internacionais por parte do quarteto de negociadores para o médio oriente que se reuniu em Jerusalém pela primeira vez desde que o Hamas tomou o controlo da Faixa de Gaza.

O representante norte-americano do quarteto, David Welch declarou que “os Estados Unidos vão procurar novos meios para trabalhar com a Autoridade Palestiniana, agora que existe um Governo que respeita os mesmos princípios que nós”

O quarteto inclui ainda representantes da União Europeia, das Nações Unidas e da Rússia, cujo chefe diplomático, Serguei Lavrov, também apoiou Abbas: “Nós apoiamos Mahmoud Abbas. Em primeiro lugar nós apoiamos as suas decisões tomadas de acordo com a constituição palestiniana e apoiaríamos com certeza o desenvolvimento desse processo”, afirmou o ministro dos negócios estrangeiros russo.

Para além de necessitar de apoio político a nível interno e externo, o presidente palestiniano quer recuperar o controlo militar dos territórios palestinianos.

Por isso Abbas pediu esta segunda-feira a Olmert que Israel autorize o regresso de forças palestinianas estacionadas na Jordânia para tentar fazer frente ao domínio do Hamas na Faixa de Gaza.