Última hora

Última hora

Opositor da guerra no Iraque nomeado para a chefia da diplomacia britânica

Em leitura:

Opositor da guerra no Iraque nomeado para a chefia da diplomacia britânica

Tamanho do texto Aa Aa

A Grã-Bretanha ficou hoje a conhecer um novo executivo com uma orientação distinta a nível da política externa.

Jacqui Smith torna-se a primeira mulher a dirigir o ministério do Interior, enquanto David Miliband, de 41 anos, é o mais jovem ministro dos Negócios Estrangeiros das últimas três décadas. Fervoroso opositor da impopular intervenção no Iraque, Miliband marca uma reorientação nas prioridades externas do novo governo.

O antigo chefe da diplomacia Jack Straw passa a gerir a Justiça, enquanto Alistair Darling sucede a Gordon Brown nas Finanças. Alan Johnson é a escolha do novo chefe de governo para a Saúde.

Para além de Miliband, Brown nomeou outra “estrela em ascenção” dos Trabalhistas, Douglas Alexander, para ministro do Desenvolvimento Internacional.

Se a nível económico o novo executivo mantém a linha do anterior – o que já era de esperar pois Brown dirigia antes as Finanças -, os analistas consideram que as próximas semanas poderão também trazer anúncios importantes a nível interno, nomeadamente nas políticas sociais.

Brown escolheu antigos aliados para as pastas principais de um governo que pretende ver afinado para as “novas prioridades” da Grã-Bretanha.