Última hora

Última hora

Liberalização do mercado energético europeu a partir de domingo

Em leitura:

Liberalização do mercado energético europeu a partir de domingo

Tamanho do texto Aa Aa

A partir deste domingo, os consumidores europeus podem escolher os seus fornecedores de gás e de electricidade. É a liberalização total do mercado energético, em busca de preços mais justos e de liberdade de escolha. Alguns países, como a Espanha ou a Grã-Bretanha já tinham liberalizado o mercado energético. Mas a realidade difere do idealizado por Bruxelas, quando avançou com esta liberalização.

Na Suécia, que liberalizou o mercado há 11 anos, os preços baixaram inicialmente para, seguidamente, registarem aumentos que foram até aos 74% por cento. As denúncias dos consumidores acumulam-se. No Reino Unido, também se registou uma baixa dos preços, em 1998, mas o serviço baixou igualmente. Energywatch, que defende os interesses dos consumidores de gás e electricidade na Grã-Bretanha, aconselha a que se mude regularmente de fornecedor.

Na Alemanha, a factura média mensal de um casal com um filho aumentou mais de um quarto, desde 2002, e os analistas não prevêem que a tendência se inverta em Julho deste ano.