Última hora

Última hora

Atentado bombista no Iémen visa turistas espanhóis

Em leitura:

Atentado bombista no Iémen visa turistas espanhóis

Tamanho do texto Aa Aa

Um atentado suicida vitimou ontem sete turistas espanhóis, a maioria bascos, no oeste do Iémen. Uma viatura armadilhada investiu contra a coluna de quatro veículos todo-o -erreno em que viajavam, nos arredores do templo da rainha de Sabá, na província de Mareb. Um guia e um tradutor iemenitas morreram também no ataque que provocou oito feridos.

A coluna era escoltada por duas viaturas da polícia, numa zona considerada de alto risco para turistas estrangeiros. Madrid enviou um avião a Sanaa para repatriar as vítimas e vai abrir uma investigação ao atentado. As autoridades iemenitas apontam a responsabilidade da acção, inédita no país, à rede Al-Qaida.

A organização terrorista, tinha ameaçado há um mês lançar ataques no território caso o governo de Sana não libertasse um grupo de militantes feitos prisioneiros. O Iémen, que durante anos deu refúgio a Osama Bin Laden foi palco dos primeiro atentados reivindicados pela Al-Qaida.

Mas foram os conflitos entre tribos e governo que mais afectaram nos últimos anos os turistas estrangeiros. Nos últimos 15 anos, contam-se 200 sequestros de turistas, habitualmente utilizados como moeda de troca pelos líderes tribais.