Última hora

Última hora

Austrália detém mais um médico suspeito.

Em leitura:

Austrália detém mais um médico suspeito.

Tamanho do texto Aa Aa

Elevam-se a oito as detenções ligadas aos atentados falhados de Londres e de Glasgow. A polícia australiana deteve um médico de 27 anos de nacionalidade indiana no aeroporto de Brisbane. O primeiro ministro John Howard afirmou que “o homem está a ser interrogado” acrescentando que “uma segunda pessoa está a assistir a polícia naas suas investigações”.

O médico acabou por ser libertado sem qualquer acusação. Segundo a polícia britânica entre os suspeitos dos atentados de sábado figuram outros dois médicos um jordano de origem palestiniana e um iraquiano. Dos oito detidos por suspeita de pertencerem a uma célula terrorista, apenas 3 vão permanecer em prisão preventiva até sábado, mas as detenções podem prolongar-se até um máximo de 28 dias.

Desde o fim-de-semana que o alerta contra o terrorismo se encontra no nível máximo. A Scotland Yard admite a possibilidade de ligação entre os veículos armadilhados descobertos no sábado no centro Londres, e o atentado com uma viatura em chamas que no memsmo dia atingiu o aeroporto de Glasgow.