Última hora

Última hora

Ásia fustigada por chuvas diluvianas

Em leitura:

Ásia fustigada por chuvas diluvianas

Tamanho do texto Aa Aa

No Japão, na cidade de Kumamoto, no sul do país, 10 mil pessoas foram afectadas pelas inundações que atingiram as suas residências.

Estradas danificadas e até as comunciações, incluindo a Internet, não ressistiram à força destruidora das águas.

Drama também na China, com 8 milhões de pessoas atingidas. Aqui, os números da catastrofe são impressionantes, sobretudo na regiao de Sichuan.

Desde o princípio da semana passada, os volumes de precipitação atingiram 100 milímetros cúblicos por metro quadrado. De tudo isto, resultou um lago com uma extensão superior a 400 mil hectares.

Na região central do país, 120 mil casas foram invadidas pelas águas, fazendo 200 mortos.

Na India, a região leste ficou transformada num enorme lago, com 700 mortos e milhares de pessoas sem casa.

O governo mobilizou todos os serviços públicos.

Bangladesh, Paquistão e Afganistão são outros países regionais afectados.