Última hora

Última hora

Feridos de atentado em Armili foram transportados para a Turquia

Em leitura:

Feridos de atentado em Armili foram transportados para a Turquia

Tamanho do texto Aa Aa

A Turquia lidera a campanha de ajuda às vítimas do atentado que no sábado devastou Armili, localidade agrícola a 160 quilómetros a Norte de Bagdade. Após uma passagem pelos hospitais da região, 30 feridos foram transportados até ao aeroporto de Kirkuk, de onde seguiram para a Turquia a bordo de dois aviões militares, com pessoal médico. A viagem foi fatal para uma pessoa, aumentando o já elevado número de mortos do atentado suicida. Armili acolhia 26 mil habitantes, na maioria xiitas de origem turcomana. Mas sábado a localidade ficou reduzida a um enorme monte de escombros.

Contam-se pelo menos 150 mortos e 250 feridos. O balanço é ainda provisório, com várias pessoas ainda desaparecidas. Teme-se que estejam entre o que resta das 50 pequenas lojas e outras tantas casas destruídas pela explosão.

Foi o pior atentado em quase três meses, embora o Iraque seja palco diário de ataques do género. Só este fim-de-semana contam-se no mínimo 250 vítimas mortais. Ontem, o pior atentado teve lugar em Bagdade contra um grupo de recrutas iraquianos.