Última hora

Última hora

Duplo atentado suicida no Paquistão

Em leitura:

Duplo atentado suicida no Paquistão

Tamanho do texto Aa Aa

Este domingo dois atentados suicidas provocaram a morte a pelo menos 28 pessoas e ferimentos noutras 60.

O primeiro ataque à bomba ocorreu à passagem de um coluna militar em Matta, cidade próxima de Swat, bastião dos fundamentalistas com ligações aos talibãs afegãos.

Aqui, pelo menos 16 pessoas morreram, 12 dos quais eram agentes dos serviços de segurança paquistaneses.

Na mesma zona noroeste do país, mas horas mais tarde, um outro atentado suicida semeou a morte num centro de recrutamento das forças armadas paquistanesas, da cidade de Dera Ismail
Khan.

O balanço é ainda provisório, mas pelo menos 11 pessoas perderam a vida e 30 ficaram feridas.

Suspeita-se que a onda de atentados que tem afectado o Paquistão nas últimas semanas está ligada à crise na mesquita vermelha de Islamabad.

Durante o cerco, os fundamentalistas islâmicos, barricados no complexo religioso, e que depois foram abatidos pelo exército, apelaram à revolta no país se o seu sangue fosse derramado.