Última hora

Última hora

Nova ronda de negociações para desnuclearizar a Coreia do Norte

Em leitura:

Nova ronda de negociações para desnuclearizar a Coreia do Norte

Tamanho do texto Aa Aa

Já se encontram em Beijing, na China, os seis negociadores para a desnuclearização da Coreia do Norte. O negociador norte-americano, Christopher Hill, considerou que há “ainda muito trabalho a fazer e confirmou que deve encontrar-se hoje com o seu homólogo norte-coreano.

Na fase inicial para o desmantelamento das suas instalações, Pyongyang aceitou encerrar o seu reactor nuclear de Yongbyon e permitir a entrada
dos inspectores da AIEA se lhe forem fornecidas gratuitamente 50.000 toneladas de petróleo.
Os inspectores voltaram no passado dia 14, quatro anos e meio após as autoridades norte-coreanas terem expulso do país a última missão deste organismo das Nações Unidas, em Dezembro de 2002. A aceitação destes técnicos para supervisionarem localmente o processo de desnuclearização faz parte do compromisso assumido pelas autoridades norte-coreanas durante as conversações a seis, realizadas em Pequim a 13 de Fevereiro passado.
Nessa reunião, em que participaram as duas Coreias, os Estados Unidos, o Japão, a China e a Rússia, o regime de Kim Jong Il decidiu pôr termo ao seu programa nuclear em troca de ajuda internacional em matéria de energia.
O primeiro envio de combustível, de 6.200 toneladas, chegouà Coreia há quatro dias do Norte com proveniência da Coreia do Sul.