Última hora

Última hora

Primeiro grupo de prisioneiros palestinianos chega a Ramallah

Em leitura:

Primeiro grupo de prisioneiros palestinianos chega a Ramallah

Tamanho do texto Aa Aa

Foi um regresso eufórico a Ramallah para o primeiro grupo de detidos palestinianos perdoados por Israel. Uma multidão de apoiantes, familiares e amigos aguardava os ex-detidos. Um gesto de apoio e boa vontade da parte do Governo iraelita negociado há meses, integrado num plano que teve a colaboração norte-americana. Israel e os Estados Unidos têm como objectivo isolar os islamistas do Hamas através de demonstrações de apoio à facção palestiniana rival do Fatah. O grupo de detidos foi acolhido por uma delegação da Autoridade Palestiniana que incluia o presidente Mahmud Abbas, que os recebeu como heróis. A maior parte dos homens postos em liberdade são fiéis ao movimento Fatah que não cometeram crimes de sangue. Os primeiros prisioneiros de um grupo de 255 presos libertados por Israel chegaram esta manhã a território palestiniano provenientes do posto de controlo de Betunia, a Sul da cidade de Ramallah, na Cisjordânia. Os detidos foram transportados de autocarro desde o presídio de Kitsiyot, no sul de Israel.