Última hora

Última hora

Espanhóis procuram letra para hino nacional

Em leitura:

Espanhóis procuram letra para hino nacional

Tamanho do texto Aa Aa

Em eventos desportivos, como os jogos olímpicos, os espanhóis acompanham a Marcha Real, o hino nacional, com os tradicionais “la la la” ou “chunda, chunda”. Mas há quem queira mudar essa realidade. A Espanha está à procura de palavras para acompanhar a melodia do hino nacional.

A ideia foi primeiro defendida pela Associação das Vítimas do terrorismo, um grupo ligado ao Partido Popular, mas é o presidente do Comité Olímpico Espanhol o homem que carrega esta bandeira.

Alejandro Blanco diz que quando o hino é tocado numa cerimónia olímpica, “a emoção é grande e os espanhóis são um povo que gosta de cantar”. “Faltam as palavras para expressar essa emoção, não só para os atletas, mas para os familiares, colegas e espectadores”, diz o presidente do comité olímpico, que considera esta iniciativa de interesse desportivo e sem quaisquer pretensões políticas.

O debate tem dividido a nação. Alguns espanhois consideram uma ideia estupenda, enquanto que outros acham uma perda de tempo, que só vai levantar problemas em Espanha.

O Comité Olímpico espera receber 5 mil propostas de hino, vindas de toda a Espanha, que serão analisadas e escolhidas pelo parlamento. Todos os espanhois são livres de escrever as palavras que vão acompanhar a Marcha Real.

Para além do país vizinho, há apenas dois estados que tem hinos desprovidos de palavras: A Bosnia-Herzgovina e San Marino.