Última hora

Última hora

Villepin constituído arguido no caso Clearstream

Em leitura:

Villepin constituído arguido no caso Clearstream

Tamanho do texto Aa Aa

O ex-primeiro-ministro francês Dominique de Villepin foi constituído arguido na investigação às listagens falsas da empresa Clearstream. Villepin é constituído arguido por cumplicidade numa manipulação política para denegrir o actual presidente Nicolas Sarkozy, Villepin foi ouvido esta manhã pelos juízes que investigam o caso e reiterou no final a sua inocência afirmando que “nunca pediu uma investigação a personalidades políticas” e que não participou em uma qualquer “manobra política”. Agora que foi constituído arguido, passando a ter acesso ao processo, Villepin disse aos juízes que vai estudar os 27 volumes do processo. A descoberta, em Junho, de novos apontamentos do General Rondot, um dos protagonistas do caso Clearstream, relançou as suspeitas sobre o papel do antigo primeiro-ministro. O caso remonta a 2004 e Villepin tem sempre afirmado que apenas agiu no estrito respeito pelas suas funções, na altura, de ministro do Interior e de ministro dos Negócios Estrangeiros Villepin é acusado de ter ordenado uma investigação dos serviços secretos a Sarkozy com base em provas que sabia serem falsas. O processo é já chamado de Watergate francês.