Última hora

Última hora

Sudão promete cooperar com força que ONU vai enviar para o Darfur

Em leitura:

Sudão promete cooperar com força que ONU vai enviar para o Darfur

Tamanho do texto Aa Aa

O Sudão promete cooperar plenamente com a força de paz que a ONU vai mobilizar para o Darfur. Cartum felicitou-se com a aprovação, por unanimidade, da resolução no Conselho de Segurança das Nações Unidas. A resolução só passou depois de vencidas as reticências da Rússia e da China, aliada do Sudão. Foram assim retiradas as ameaças de sanções se Cartum não cooperar e a autorização para que as tropas recorram à força para confiscar armas. Satisfação para o embaixador sudanês na ONU. Adbalmahood Adbalhaleem afirmou: “A supressão das sanções do texto tornou-o um pouco mais forte, porque já não há motivos para isso. Gostaríamos a partir de agora de dar mais atenção ao processo de paz”. No total, a força de paz vai contar com 26 mil soldados e polícias da ONU e da União Africana, que terão autorização para usar a força em legítima defesa, proteger organizações humanitárias e civis. A primeira das dificuldades será a mobilização, que poderá levar um ano.