Última hora

Última hora

Eleições parciais revelam divisões entre cristãos

Em leitura:

Eleições parciais revelam divisões entre cristãos

Tamanho do texto Aa Aa

Sucesso inesperado dos cristãos pró-sírios nas legislativas parciais libanesas deste domingo. A campanha pelo lugar do deputado Pierre Gemayel, assassinado em novembro de 2006, veio acentuar as divisões entre os maronitas. Amine Gemayel, antigo presidente do país anti-sírio, falhou a sucessão ao lugar do filho por uma pequena margem mas já reconheceu a derrota e apelou à reconciliação entre cristãos. Gemayel foi batido pelo candidato da Corrente Patrótica Livre, apoiado por Michel Aoún, em tempos feroz adversário da Síria mas recentemente aliado do Hezbollah xiita com laços a Damasco. Os dois candidatos pela circunscrição de Metn, ambos com ambições à presidência, ficaram separados por escassa centenas de votos o que levou os apoiantes de Gemayel a fazer acusações de fraude. Os resultados do escrutínio eram esperados como um indicador para as presidenciais libanesas mas a proximidade dos números não permite uma avaliação clara.